Na luta pela acessibilidade, muitas iniciativas já foram vistas, algumas maiores, outras menores, porém todas significativas, e cada uma delas têm feito uma grande diferença. Uma dessas inovações é o “Cordão de Girassol: Um símbolo de conscientização e apoio” – uma ferramenta discreta, mas poderosa, projetada para melhorar as experiências de indivíduos com deficiências ocultas em espaços públicos. 

Neste artigo, nos aprofundaremos na história do Cordão de Girassol, como ele funciona, sua introdução, conscientização do público, deficiências elegíveis e como obtê-lo.

Por que Girassois?

Girassóis são flores conhecidas por seguir a luz do sol, e simbolizam resiliência, positividade, felicidade e força. Da mesma forma, o “cordão de girassol” é um símbolo que vem ganhando destaque na conscientização sobre diversas questões de saúde e bem-estar. 

O que é o cordão de girassol?

O cordão de girassol é uma faixa verde estampada com vários desenhos de girassois. Ele é usado como um símbolo de conscientização para diversas causas, especialmente relacionadas à saúde mental e doenças não aparentes.

Para que serve o cordão de girassol?

O cordão de girassol serve como uma forma visual de identificar pessoas que enfrentam desafios relacionados à saúde mental ou outras condições não aparentes. Ao usá-lo os indivíduos indicam que podem precisar de atenção ou acomodações especiais e ainda usufruir dos direitos como atendimento prioritário, por exemplo.

Outro ponto importante é que estando identificados com o cordão de girassois profissionais de saúde e outros podem reconhecê-lo e fornecer apoio adequado.

[Leia] Como saber se seu filho tem Autismo? Desvende os sinais

Qual a Lei do cordão de girassois no Brasil?

A lei 14.624/23, sancionada pelo governo federal, na pessoa do presidente da República em exercício, Geraldo Alckmin torna oficial o uso do cordão com desenhos de girassol como símbolo de deficiências ocultas.

O que você precisa saber é que o uso do cordão é opcional, caso você escolha não usar, isso não tira os seus direitos já garantidos.

Além disso , tenha em mente que o uso do cordão não substitui documentos comprobatórios da deficiência. Leve sempre com você para apresentar caso seja solicitado.

Quando foi criado o cordão de girassol?

Campanha de conscientização do Cordão de Girassol em aeroportos
Fique atento ao girassol que representa deficiências ocultas quando estiver no aeroporto

Embora não haja uma data precisa de sua introdução, a iniciativa do cordão de girassol teve origem no Reino Unido em 2016.

Desde a sua criação, o símbolo do girassol foi adotado em todo o mundo em vários locais públicos, como aeroportos, estações ferroviárias e pontos de venda, para reconhecer e ajudar indivíduos com deficiências ocultas.

No Brasil a lei foi sancionada no dia 18/07/2023

Conscientização e Reconhecimento

Embora a conscientização sobre o cordão de girassol tenha ganhado força nos últimos anos, ainda existem muitas pessoas que não estão familiarizadas com seu significado. No entanto, à medida que mais pessoas o utilizam e divulgam sua mensagem, a compreensão e o reconhecimento do símbolo tendem a aumentar.

Quais deficiências se qualificam para um cordão de girassol?

Embora o cordão de girassol seja frequentemente associado à conscientização sobre saúde mental, ele pode ser usado por pessoas com deficiências ocultas ou não-aparentes.

As principais características dessas deficiências estão relacionadas à interação social, comunicação (verbal e não verbal), comportamentos restritivos e destemperos emocionais.

Isso inclui condições como:

  • Autismo;
  • Surdez;
  • Deficiência intelectual;
  • Depressão;
  • Alzheimer;
  • Câncer;
  • Asma;
  • Deficiências cognitivas;
  • Diabetes;
  • Intolerância à lactose; 
  • Transtornos ou alergias alimentares; 
  • HIV;
  • Epilepsia;

E outras condições que não apresentam sinais físicos visíveis, mas que podem afetar significativamente a vida cotidiana da pessoa.

Como consigo um cordão de girassol?

Existem várias maneiras de obter um cordão de girassol. Você pode encontrá-lo em lojas de acessórios, em eventos de conscientização e campanhas de arrecadação de fundos, algumas organizações e grupos comunitários distribuem cordões de girassol como parte de suas iniciativas de conscientização. 

Ou até mesmo online em plataformas de comércio eletrônico, clique aqui para adquirir o seu imediatamente

Por que usar o cordão de girassol

Ao optar por usar o Cordão Girassol, a pessoa com deficiência e seus familiares podem usufruir de algumas vantagens, como:

  • Ajuda para ler placas de sinalização;
  • Auxílio na locomoção;
  • Isenção dos processos rotineiros de segurança;
  • Exclusão da necessidade de permanecer em filas;
  • Recebimento de informações mais detalhadas sobre produtos e serviços dos estabelecimentos;
  • Disponibilidade de salas sensoriais;
  • Mais tempo de preparo para check-in em aeroportos.

Então, se alguém te vir usando seu cartão de girassol saberá que você ou alguém te acompanha tem uma deficiência oculta e que você pode precisar de ajuda!

Por exemplo: Caso uma criança entre em crise caso tenha no recinto um médico, terapeuta ou qualquer profissional capacitado, poderá ajudar.

Não deixe que o preconceito, e o medo do julgamento te impeçam de usar esse símbolo tão significante para a causa da pessoa com deficiência. Quanto mais a sociedade vê essas pessoas, mais rápido aprende a lidar com elas.
Então, não hesite em adquirir o seu cordão de girassol hoje e deixe-o ser um símbolo do seu poder e resiliência. Para comprar o seu CLIQUE AQUI

Cordão de Girassol

Comprar cordão girassol agora

Fonte: Agência Câmara de Notícias  G1 apaecuritiba hc.famema

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Scroll to Top